• Dra. Patricia Savoi

Você conhece seu alimento?


Na última terça-feira, estive presente no FOOD FORUM, um evento onde se reuniram nutricionistas, chefs de cozinha, empreendedores e jornalistas para falar de um assunto delicioso: COMIDA! Foram abordados diversos temas desde sonhos, gastronomia, abertura de empresas, desafios no mercado, até o " nutricionismo - moda da comida nas redes socias", como disse a nutricionista Alessandra Luglio; e por isso, terei vários textos falando sobre ele. 


Nesse texto, falo sobre um assunto muito importante, que poucos brasileiros sabem: somos o país que mais consome agrotóxicos no mundo! Temos um consumo de 5,2Kg de agrotóxicos /habitante.  Essa informação é muito importante e foi compartilhado pela jornalista Ailin Aleixo, dona do site GASTROLÂNDIA. É um dado chocante. Dos 05 agrotóxicos condenados pela Organização Mundial de Saúde-OMS, por serem carcinogênicos-glifosato,malationa,diazinona, parationa metílica e tetraclorvinfos- 04 ainda são usados no Brasil.


Ai você deve pensar " me mandam comer mais legumes e verduras e eles estão cheio de agrotóxicos!" A situação é bem delicada... o gado é tratado com antibióticos, os frangos também; e os vegetais com agrotóxicos. E aí, o que comer?!


Uma opção é aumentar o consumo de produtos orgânicos, pois estes não utilizam  agrotóxicos durante o cultivo com o objetivo de evitar a ingestão dos resíduos agroquímicos através desses alimentos.Além disso, os benefícios em consumir um alimento orgânico vão além da presença de resíduos de agrotóxicos .Um estudo de 2014, feito pelo British Journal of Nutrition, comparou a diferença entre a qualidade e a quantidade de antioxidantes e fitoquímicos presentes em frutas, legumes e cereais orgânicos e convencionais (produzidos com agrotóxicos). Os alimentos orgânicos apresentaram de 20% a 70% mais antioxidantes e uma maior concentração de compostos bioativos quando comparados aos alimentos convencionais. Dessa forma, vale a pena refletir sobre a qualidade do alimento que você anda consumindo. (Alessandra Luglio).


Em relação a escolha de carnes, também existe a criação orgânica, e nesse caso é preciso observar que este sistema não é obtido somente na troca de insumos químicos por insumos orgânico/biológico/ecológicos, mas também por cuidado com a alimentação do rebanho, as instalações e o manejo humanitário, a escolha de animais, a sanidade e até os cuidados higiênico/sanitários durante o abate e o processamento do produto.(JP Soares, et al Embrapa)


E o frango? Existe, atualmente, a produção de frangos naturais onde não ocorre utilização de antibióticos, promotores de crescimento, anticoccidianos e demais quimioterápicos comumente utilizados na produção de frangos. Além disso, no modelo conhecido como free-range, as galinhas não ficam presas em gaiolas, podem andar, ciscar, abrir as asas para se refrescarem, botar os ovos em ninhos individuais e empoleirar. Assim, são produzidos frangos e ovos mais saudáveis.


O peixe fica fora disso?? Não!! Diversos peixes consumidos aqui no Brasil, são criados em cativeiro e  alimentados com ração. Portanto, dessa maneira, deixam de fornecer diversos nutrientes que só possuíriam se vivessem em águas profundas e se alimentassem de vegetação natural como o plâncton.

Aqui, meu conselho é: perca tempo só supermercado, na quitanda e na feira; leita rótulos!! Busque produtos com menos ingredientes no rótulo, alimentos orgânicos; procure saber a origem daquela marca (isso é bem fácil com a internet). Escolha bem o que vai colocar dentro do seu corpo, e quando for comer; coma com prazer, com a intuição de nutrir seu corpo e sua mente!  

#alimentacaoconsciente #alimentacaosaudavel #foodforum #nutricaoeficiente #mindful #vidaintegrada #mindfuleating #agrotoxicos #vidasaudavel #cleanlabel #leiarótulos #nutrologia


Ref: 

1-Food Forum 

2-Sociedade Nacional de Agricultura www.sna.agr.br

3-https://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/bitstream/doc/1002261/1/34242.pdf

4-www.korin.com.br

5-Ministerio do Meio Ambiente http://www.mma.gov.br/seguranca-quimica/agrotoxicos


Tags: Comida Saudável, Nutrição



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo